“Acompanhamento a Consultas” – SAD

Ao longo da semana foi realizado o acompanhamento de utentes de SAD ao Centro de Saúde para consultas médicas, por forma a garantir e assegurar o acesso à prestação de cuidados de saúde.

“Acompanhamento ao Exterior” – SAD

Dia de acompanhar utentes do SAD a alguns serviços da comunidade.

Atividade: “Hora da Saúde” – UCCI

Sempre a pensar num envelhecimento saudável e integrado. Foi uma manhã dedicada a avaliar a tensão arterial, a glicemia capilar e o índice de massa corporal dos utentes. 

1 de agosto – Dia Mundial do Cancro do Pulmão

No dia 1 de agosto assinala-se o Dia Mundial do Cancro do Pulmão, o mais letal para a humanidade e a principal causa de morte por Doença Oncológica em Portugal. Este dia tem como objetivo a consciencialização e apoio às pessoas com cancro do pulmão.

Em Portugal, em 2020, foram diagnosticados mais de 5.000 casos novos de cancro do Pulmão. O tempo decorrido entre o início dos sintomas e a primeira consulta com o médico assistente varia entre quatro e dez meses. No momento do diagnóstico mais de 60% dos doentes estão em fase avançada do cancro e apenas 16% dos doentes sobrevivem mais de cinco anos após o diagnóstico.

O fumo do tabaco é a causa mais frequente (85 a 90% dos casos) de cancro do pulmão.

Outras causas incluem a exposição ao fumo do tabaco, radão, asbestos e poluição

atmosférica. Os fatores genéticos (história de cancro anterior, idade, história familiar e doenças pulmonares) não devem ser ignorados.

O risco de cancro nos fumadores é cerca de 20 vezes superior ao dos não fumadores.

Para combater esta doença é necessário diminuir o número de pessoas que fumam e

implementar o diagnóstico e tratamento precoces.

Na Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro, as equipas são capacitadas para garantir uma melhor qualidade de vida aos nossos utentes.

Dia Nacional de Controle da Asma

Estima-se que, a nível mundial, existam 334 milhões de asmáticos e, no nosso país, cerca de um milhão.

A asma é uma doença inflamatória crónica das vias respiratórias, nem sempre apresenta

sintomas e pode aparecer em qualquer idade, sendo mais comum em crianças e idosos.

Os sintomas mais comuns da doença são falta de ar, ruído respiratório, tosse e pressão torácica.

Tratando-se de uma doença crónica e, que exige cuidados específicos, cumprir a medicação,

comunicar algum tipo de alteração de sintomas e a prevenção de crises é essencial.

Com o intuito de alertar a população em geral, foi definida uma data para assinalar o Dia

Nacional de Controle da Asma, sendo esta a 21 de junho.

A capacitação do doente, bem como a implementação de programas de intervenção

multidisciplinares, permite um melhor conhecimento da utilização dos medicamentos,

nomeadamente os inaladores, um dos motivos geradores do não controlo da doença, visto que

muitos doentes não sabem como utilizá-los. A educação é essencial, importa que a doença seja

gerida em conjunto pelos profissionais de saúde e pelo asmático e seus familiares.

Na Santa Casada Misericórdia de Mogadouro as equipas são capacitadas para a importância do

cumprimento da terapêutica prescrita para esta doença e também para a prática no que diz

respeito á utilização de inaladores, nebulizadores e oxigenoterapia. Não menos importante são

as medidas preventivas, muitas já integradas nas estruturas físicas, materiais utilizados e

funcionamento diário das nossas atividades e rotinas, tudo para ir ao encontro das necessidades e especificidades dos nossos utentes.

Dia internacional do enfermeiro

O Dia Internacional do Enfermeiro celebra-se a 12 de Maio. Foi criado pelo Conselho

Internacional dos Enfermeiros e a data escolhida remete ao aniversário de Florence

Nightingale, considerada a fundadora da enfermagem moderna.

Florence Nightingale, nacionalidade inglesa, nasceu em Florença, na Itália. Aos 17 anos,

Florence Nightingale, decidiu ser enfermeira, acreditando ter um chamamento de Deus para

fazer enfermagem.

O Dia Internacional dos Enfermeiros ou também conhecido por Dia do Enfermeiro, visa

homenagear o trabalho de todos os enfermeiros para a proteção da saúde.

A função desses profissionais é essencial para garantir a recuperação e salvamento de vidas

em perigo, seja nos hospitais ou demais instituições que necessitam de assistência contínua de cuidados.

Neste sentido, a Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro conta com uma equipa de treze

enfermeiros para assegurar os cuidados de enfermagem aos utentes que se encontram

distribuídos pelas várias respostas sociais, nomeadamente às três Estruturas Residenciais para

as pessoas Idosas, dois Centros de Dia, uma Unidade de Cuidados Continuados Integrados e o

Serviço de Apoio Domiciliário.

A Enfermagem é a arte de cuidar, agradecemos a todos os enfermeiros a sua entrega,

dedicação e ajuda a todos os nossos utentes.

A importância da vacinação

De 24 a 30 de abril comemora-se a Semana Europeia da Vacinação. Trata-se de uma iniciativa

promovida anualmente pela Organização Mundial de Saúde (OMS), associada ao Programa

Nacional de Vacinação da Direção-Geral da Saúde com o intuito de incentivar e promover a

vacinação, para proteção da vida e prevenção de doenças.

De acordo com a OMS, a vacinação é considerada o meio mais económico e eficaz na prevenção de doenças infeciosas graves. Contribui para o bem-estar da população e para um envelhecimento saudável, reduz a ameaça da resistência aos antibióticos e previne vários tipos de cancro, sendo vital para alcançar a saúde ideal para todos, em qualquer lugar e em todas as idades.

Os enfermeiros são os profissionais que detêm as competências e responsabilidades de

planeamento e intervenção de vacinação, bem como da gestão e administração de vacinas nos

Serviços de Saúde. Desempenham um papel primordial nas três grandes áreas desta

campanha: Prevenção, Proteção e Imunização.

A Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro encontra-se atenta para que o Plano Nacional de

Vacinação seja cumprido e no âmbito da atual pandemia por Covid-19, os utentes e funcionários tiveram, aproximadamente, 100% de adesão à vacina contra a Covid-19.

Aumentar a consciencialização sobre as vacinas e a

sua importância ajuda a salvar vidas!

Vacine-se! Cuide da sua saúde.

Dia Nacional do Dador de Sangue – A importância da doação de sangue

No dia 27 de março assinala-se o 🩸dia Nacional do Dador de Sangue🩸. Esta data surge com a

finalidade de evidenciar a importância da doação de sangue e de homenagear todos os doadores de sangue.

A doação de sangue deve ser reconhecida pela população em geral como um ato social e

humano para com o outro. Reconhece-se em todo o Mundo a importância que o doador de

sangue tem para o tratamento de doentes com diferentes patologias.

Para a dádiva de sangue, pode faze-lo qualquer pessoa que apresente um bom estado de

saúde, sem hábitos de risco, peso igual ou superior a 50 kg e idade compreendida entre os 18 e os 65 anos de idade. Quando se trata da primeira dádiva de sangue, o limite máximo de

idade é 60 anos.

Existe em todos os concelhos um local próprio para a dádiva de sangue e todo o cidadão que

pretenda dar o seu contributo deve dirigir-se ao local, devidamente identificados e devem ser

cumpridos os seguintes requisitos: não deve estar em jejum nem no período da digestão e não

ter recebido transfusões de sangue desde 1980.

A dádiva de sangue não é um ato remunerado, mas que faz de nós pessoas mais solidárias com

quem precisa e pode ser feita de quatro em quatro meses pelas mulheres e de três em três

meses pelos homens.

A Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro apesar de não ter um papel ativo na doação de

sangue, muito incentiva os seus colaboradores e população em geral para a dádiva de sangue,

sempre com vista à solidariedade com o outro de forma à melhoria continua da saúde da população.

Dar sangue é ajudar o próximo e salvar vidas!

Dia Mundial do Doente – Atenção à pessoa doente

Dia 11 de Fevereiro é o dia mundial do doente, tendo sido instituído em 1992, pelo Papa João

Paulo II.

Na Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro, diariamente, todos os profissionais trabalham no sentido de promover a qualidade de vida e bem-estar de cada utente/cliente, tendo em

conta a individualidade, as necessidades, a saúde física, mental e emocional de cada um.

É um trabalho realizado diariamente, que assenta num conjunto de valores fundamentais, como a dignidade humana, a equidade, a ética e a solidariedade. Este acompanhamento é realizado, desde o acolhimento da pessoa, com o objetivo de realizar um levantamento das

patologias, necessidades e gostos do cliente.

A intervenção realizada diariamente com cada cliente/utente, prima por acompanhá-lo tendo em conta as patologias já diagnosticadas, mas também a prevenção de outras. Desta forma, focamo-nos no individuo como um todo, promovendo diariamente hábitos de vida saudáveis,

como exercício físico, momentos de socialização, manter a proximidade com a família e promover a saúde mental.

Focamo-nos nas características pessoais e nas doenças existentes, de forma a proporcionar a cada um, a intervenção adequada, baseando-se esta, na honra e na

dignidade a que toda a pessoa tem direito no seu adoecer e sofrimento. Cada doente tem direito a receber os cuidados apropriados ao seu estado de saúde, no âmbito dos cuidados preventivos, curativos de reabilitação e terminais, respeitando as suas convicções culturais, filosóficas e religiosas.

A Resistência aos Antibióticos

Os Antibióticos (ATB) surgiram no séc. XX, sendo que o primeiro a ser descoberto foi a

Penicilina. Eles têm como objetivo conseguir a erradicação completa do agente

infecioso, minimizando os riscos e complicações como a toxicidade e a seleção de resistências.

A resistência a antibióticos, ocorre quando os microrganismos sofrem alterações

quando expostos aos antimicrobianos, pelo que os medicamentos tornam-se

ineficazes no controlo de infeção, aumentando desta forma o risco de propagação dos microorganismos para outras pessoas.

Existem normas segundo a DGS, para uma boa prática de prescrição de ATB, tais como:

– Os ATB são inúteis no tratamento de infeções víricas; os ATB só devem ser tomados por indicação médica; idealmente deve-se identificar o agente infecioso, assim

identificar a causa de infeção e o ATB a ser administrado; na maioria das situações,

não deve ultrapassar 7 a 10 dias de tratamento; entre outras.

A Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro, em parceria com o serviço de PPCira (Programa de Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos), fornece, mensalmente, dados acerca dos utentes que consomem antibióticos, ou seja, é preenchido um questionário para cada utente que faz antibioterapia, referindo-se, qual o ATB, seja ele prescrito de forma empírico ou dirigida, qual o tipo de infeção e bactéria e o número de dias de tratamento.

No dia 14 de Novembro comemora-se o Dia Mundial da Diabetes

Segundo a Organização Mundial de Saúde, a Diabetes Mellitus é uma doença crónica que ocorre quando o pâncreas não produz insulina (hormona reguladora de açúcar no sangue) suficiente, ou quando o corpo não pode utilizar eficazmente a insulina que produz. O que se traduz num aumento de glicose (açúcar) no sangue (hiperglicemia), que a longo prazo pode provocar diversas complicações no organismo.

Existem diversos tipos de diabetes, sendo os mais comuns: Diabetes Tipo 1, Diabetes Tipo 2 e Diabetes Gestacional.

As complicações da diabetes influenciam diretamente a qualidade de vida do paciente, uma vez que as suas consequências podem ser graves, pois pode lesionar o coração, os olhos, os nervos, os rins e a rede vascular, sobretudo a periférica.

De acordo com o Ministério da Saúde, a diabetes é uma das principais causas de mortalidade (27,4%) por problemas cardiovasculares em pessoas idosas.

Tendo em conta que a prevenção é o melhor caminho para não adquirir diabetes, na Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro incentivamos à prática de hábitos e estilos de vida saudáveis, tais como: oferecer uma alimentação saudável e equilibrada; controlo do peso, prevenindo a obesidade; incentivar a prática de exercício físico; avaliação da glicémia capilar (valores considerados normais em jejum: 70 mg/dl a 110 mg/dl) e controlo dos níveis de colesterol e da pressão arterial.

Tome nota: Ter um estilo de vida saudável é a melhor forma de prevenir a diabetes