Um euro captado pelas IPSS transforma-se em quatro na economia local

Conclusão é de um estudo da Universidade Católica, que recolheu dados junto de 44 Instituições Particulares de Solidariedade Social de 14 distritos.

cada euro que as Instituições de Particularidade de Solidariedade Social (IPSS) captam para o território onde estão implementadas mais do que quadruplica na economia local, revela um estudo sobre a importância económica das IPSS em Portugal. O estudo foi feito pela Universidade Católica do Porto para a Confederação Nacional de Instituições de Solidariedade Social (CNIS) e demonstra que as IPSS têm uma forte implementação no território nacional.

Fonte Notícia: https://expresso.sapo.pt/sociedade/2018-12-05-Um-euro-captado-pelas-IPSS-transforma-se-em-quatro-na-economia-local#gs.HgzNr1o

Acordos de cooperação com setor social

Em declarações à agência Lusa na véspera das Jornadas de Cuidados Continuados Integrados, que se realizam em Fátima em 07 e 08 de novembro, Manuel Caldas de Almeida apontou que na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI) o valor que é pago pelo Estado não é suficiente para garantir os padrões de qualidade exigidos.

Fonte da Notícia: https://www.dn.pt/lusa/interior/acordos-de-cooperacao-com-setor-social-devem-contemplar-cuidados-com-demencias—misericordias-10138503.html

Neste tipo de instituições não há milagres… O que há é trabalho

É notável o desenvolvimento que a instituição
vivenciou durante os anos em que o senhor provedor
tem assumido os desígnios desta obra social:
equipamentos e infra estruturas remodelados, um
claro esforço na dotação e qualificação de recursos
humanos com vista à humanização dos serviços
prestados, novas respostas sociais de educação e
de saúde. Pelo meio, o país atravessou uma série
crise económica e financeira

Skype

Desta vez foi a D. Isaura que teve a oportunidade de falar com a sua filha que se encontra em Londres via Skype.

Foi um alegria muito grande para esta senhora poder ver a filha e a neta e desta forma “matar” algumas saudades.

Trabalhos em tricôt

Por aqui já estamos a pensar na feira social. Iniciamos alguns trabalhos feitos em lã e uma vez que este ano em vai ser em Dezembro, agradece-se uma golas bem quentes para aconchegar o pescoço.

FREQUÊNCIA DAS PISCINAS EXTERIORES

Mês de julho…., mês de verão, mês do calor, de piscinas exteriores e de diversão…

É assim que nos encontramos, em plena época balnear, onde as crianças do Pré-escolar da Santa Casa da Misericórdia desfrutam de momentos de grande alegria e diversão…

Apanha da ginja e confeção de compota de ginja

No passado dia 12 de Julho os clientes das várias respostas sociais da 3ª idade da SCMM, começaram logo pela manhã a apanha da ginja. Durante a tarde deram continuidade à atividade, mas desta vez confecionando a compota da ginja.